26 de ago de 2015

Bateria que pode durar para sempre poderá se tornar realidade


Pesquisadores da Samsung e do MIT estão desenvolvendo baterias que podem ter um ciclo de vida indeterminado. A tecnologia pode diminuir o desgaste de uso e fazer com que a carga dos aparelhos durem por mais tempo.

As baterias utilizadas atualmente usam um composto líquido de lítio. Quando os íons se movimentam, liberam eletricidade e geram energia para que o aparelho funcione. Com a constante movimentação dos íons, as células acabam sobrendo desgaste e retendo menos carga. Isso é o que chamamos de ciclo de vida de uma bateria.

O projeto feito em parceria pela fabricante coreana e pelo MIT quer substituir o líquido por um material sólido composto de lítio, germânio, fósforo e enxofre. A nova técnica evita o desgaste das células e ainda pode armazenar de 20% a 30% mais energia na mesma quantidade de espaço. 

O novo composto também pode evitar alguns problemas de segurança, já que não apresenta nenhum risco de superaquecimento e princípio de incêndio. "[Com um eletrólito sólido] não há nenhum problema de segurança. Poderíamos jogá-lo contra a parede ou colocar um prego na bateria, não há nada lá que possa queimar, explica o pesquisador Gerbrand Ceder. 

Por enquanto, a tecnologia ainda está em fase de desenvolvimento. Não há estimativas de sua chegada ao mercado.

Compartilhe essa postagem!
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...

Recomendamos para você »

0 comentários

Seja livre para expor seu pensamento!

Se preferir, antes, leia nossas regras para comentários...
(Atenção: Comentários "Anônimo" não serão publicados. Escolha "Nome/URL". Obrigado!)
Bom comentário!

:) :-) :)) =)) :( :-( :(( :d :-d @-) :p :o :>) (o) [-( :-? (p) :-s (m) 8-) :-t :-b b-( :-# =p~ :-$ (b) (f) x-) (k) (h) (c) cheer

 
Pré-Designed by BlogThietKe Designed by @Mundo_Informal
© 2012-2014 .::Mundo Informal::. Todos os direitos Reservados
Licença Creative Commons
...See you!
Voltar ao topo